InícioPortalCalendárioFAQRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Pequena História ( O início de algo novo)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Linderman

avatar

Masculino Peixes Cabra
Aniversário : 21/02/1991
Idade : 26
Localização : Porto
Mensagens : 874
Data de inscrição : 23/07/2009

MensagemAssunto: Pequena História ( O início de algo novo)   Qui Set 10, 2009 5:18 pm

Esta história é um one-shot bastante curto que concilia a presença de um narrador profundamente reflexivo e a implicação da sua introspecção na vida de um rapaz chamado Jin... é um texto pequeno...espero que percam um bocado do vosso tempo a lê-lo e gostem ( é sempre melhor quando recebemos alguns comments xD)

The Beginning of Something New // O ínicio de algo novo

Amanhece lentamente na pequena cidade de Barrow. Timidamente na linha ténue e distante a que chamamos horizonte, o Sol lá vai aparecendo aos poucos, para dar um pouco mais de brilho a esta pacata cidade onde tudo é conhecido e todos se conhecem. Quem passasse naquele momento por Barrow veria o que a rotineira cidade sempre oferece.
8 da manhã...Barrow dorme ainda pacífica como seria expectável, cortinas corridas, ruas vazias, retrato temporário de uma cidade abandonada. Nem o pouco vento que se sente parece perturbar o descanso da cidade, caem assim as folhas , também elas pacatas, num manto outonal de graciosidade e calma.
É esta a cidade onde por instantes ainda dorme o jovem Jin. Sonhará ainda? Sejamos justos, deixemo-lo sonhar... por vezes a vida é isso mesmo - um deambular constante na avenida entre o real e imaginário.
Dorme Jin, dorme... alheio a tudo, quanto mais livre és assim. Sabias? Neste mundo tudo tem uma voz. O universo é em si uma melodia de planetas infindáveis, as estrelas cantam e mesmo o Sol, tímido durante a noite, por vezes nos fala.Sabias? Tua existência, pequena na ordem das "grandes" existências, é em si também uma melodia..baixa..suave..perceptível apenas por alguns.
São agora 10 horas da manhã. Os primeiros feixes de luz trespassam para o quarto de Jin e já se ouvem indícios de uma cidade que lentamente vai acordando.
- Já são horas - lamentou ainda sonolento Jin.
Pondo-se a pé a custo, começou a vestir-se em frente de um espelho. O seu olhar verde foi-lhe devolvido. Ainda ligeiramente confuso olhou a figura magra e alta de um jovem de 17 anos que o fitava interrogativamente. Ah! "Solene ritual" juvenil é este o de acordar...despertadores infernais, sucessões infindáveis de rotinas,indumentária apressada para mais um dia... Sim, pois que é a vida senão a cíclica sucessão de dias?
Descendo apressadamente as escadas, e levando a mão á cabeça lá fez uma última tentativa de domar um cabelo que tinha de tudo menos ordem.
-Mãe, onde está o pão? - inquiriu o jovem em voz alta- "Já me esquecia" - repetiu conformado. Olhando para a porta do frigorífico, viu que lá constava novo recado. Não se deu ao trabalho de o ler. Uma simples nota tinha para si o mesmo significado de sempre - hoje estaria por si mesmo.
Levando a mão ao bolso e verificando que lá se encontravam as chaves da sua moto, saiu tranquilamente de casa. Tiraria o dia para fazer as habituais entregas a que o seu novo part-time o obrigava...

************************************************************************************************************

Numa sala muito clara em tudo semelhante àquilo a que chamamos "céu", um homem de longas barbas encontrava-se sentado numa alta cadeira transparente. Estranha sala parecer-nos-ia esta! Por toda a divisão levitavam relógios de todas as formas e feitios, suspensos e inertes num movimento sem graça.No centro da sala via-se ainda uma cadeira, estranhamente detalhada que era claramente uma bizarra forma de nuvem.
- Onde está Mira? - interrogou de repente uma voz trovante.
- Já a procuramos por todo o lado Chrono - respondeu de imediato uma voz doce - Fiz questão de interrogar todas as suas irmãs e nenhuma sabe o que se passou de facto.
-Podeis retirar-vos - retorquiu visivelmente aborrecido. Impaciente levantou-se e começou a caminhar em volta da sala, aparentemente sem destino algum. Estranhos passos eram estes que não produziam qualquer som.
Poder-se-ia chamar àquilo caminhar? A questão permanece, assim como a fúria do velho homem...

************************************************************************************************************

Cai a noite na cidade de Barrow. Ao longe vêem-se no céu as milhares de estrelas, entidades eternas sem nome... ou assim nos habituamos a pensar. Por conveniência? Comodidade? Ou pelo simples conforto de algo que nos acompanha numa existência só? É assim a humanidade, um intrincado e complexo ponto de interrogação. Todavia, na cabeça de Jin não sobeja muito tempo para as demais "filosofias".
Sucumbindo subitamente, fruto do cansaço, Jin adormece. Segue a moto ,assim obedientemente, a sua "última" estrada. Ah! Singular certeza é esta chamada destino...tudo que tem um início obedecerá eternamente a um fim.
Contam as demais lendas que em tempos existira no Universo um Deus chamado Chrono - "O Deus do Tempo". Não satisfeito com a sua existência imortal resolvera limitar o mundo criando essa famosa barreira conhecida hoje por "tempo". O Universo passou a conhecer assim uma nova realidade. Aquilo a que com receio chamamos de "morte" - a nota dissonante da melodia universal.Sucederam-se milhares de anos... a verdade adoptou a forma de lenda, o Deus egoísta é hoje um mito, sobram apenas desse tempo as estrelas, fiéis companheiras da verdade primordeal.
Jin levou subitamente a mão à cabeça. Sentia-a estranhamente quente.Tentou a custo abrir lentamente os olhos. Debruçada a seu lado estava uma rapariga que não conhecia. A sua mão repousava suave sobre a sua cabeça e era ela a fonte de todo a aquele calor estranho.
- Que estranho! - terá pensado Jin. Tentou mexer-se mas o seu corpo não o obedecia. Rapidamente percebeu que não sentia as pernas. Continuava a olhar para a rapariga.Queria pôr no seu olhar o número imenso de perguntas que desejava fazer, mas não adiantava.. não conseguia simplesmente reunir forças para falar. Ainda assim olhava-a. Como era estranha!
Sensivelmente mais nova que Jin e de cabelos totalmente brancos, continuava a seu lado sorrindo incompreensivelmente. Momentos atrás levara os dedos aos lábios, gesto infantil de criança, pedindo-lhe que não falasse. Jin não sabia porquê, mas sentira-se estranhamente salvo naquele momento.
A rapariga levantara-se. Toda a visão de Jin era agora uma névoa indistinta de formas. Tentou erguer a mão e alcançar a rapariga que se afastava...distante, cada vez mais distante. Porque lhe parecia ela estranhamente brilhante?...
- Avô, avô o que aconteceu depois? - interrompeu entusiasmada uma pequena criança. A sua cara iluminara-se num sorriso expectante.
-Mira,o resto fica a cargo da tua imaginação - respondeu o velho avô rindo-se perante a expressão birrenta da sua neta. - Se algo aprendi nesta vida é que nada sabemos ao certo. Para quê contar-te o fim de algo? Quão mais livre é a vida se for sonhada...
Tinham passado 60 anos desde aquele dia, Jin nunca soubera ao certo quem era aquela rapariga. Olhando para o céu, gesto repetido incompreensivelmente ano após ano, mirava a velha estrela que um dia lhe cantara o nome.
Milhares de anos depois, já não existirá Barrow nem pessoas que se lembrem desta história...ainda assim o Universo continuará cantar a infindável medodia chamada Vida.

E assim acaba mais uma das muitas histórias que existem algures...pois no mundo da ficção limitamo-nos a alcançar "mundos" que existem por descobrir... = )

The End! Laughing //Nuno Santos 11 de setembro de 2009) //
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fred

avatar

Masculino Escorpião Cabra
Aniversário : 01/11/1991
Idade : 25
Localização : Frente-da-Batalha-Riso-Total
Mensagens : 1649
Data de inscrição : 29/12/2008

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Sex Set 11, 2009 2:58 am

loooooooooooool

continuas com a uma escrita diferente da que costumo ler. Considero isto uma escrita alternativa, pois recentemente li um artigo de um professor universitário sobre a verdadeira escrita fantasiosa (ñ k existia uma falsa escrita) mas ele referia alguns conselhos e atributos que esta escrita envolve e a tua escrita

enquadra-se nesse estilo (como de muita gente aqui no forum) não sei s é por causa de vermos anime, mas a nossa visão do mundo reflecte-se nas nossas histórias e de certo modo, nunca vi pessoas tão fortes na escrita como o pessoal do Forum...

todos têm a sua maneira de escrever contudo revelam uma maturidade acima da idade que apresentam e, que outra coisa um critico pode pedir mais que ler os vossos fantásticos textos..

estás de parabéns por tão ilustre texto.

um abraço e continua (kero ler mais) xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Linderman

avatar

Masculino Peixes Cabra
Aniversário : 21/02/1991
Idade : 26
Localização : Porto
Mensagens : 874
Data de inscrição : 23/07/2009

MensagemAssunto: Reply   Sex Set 11, 2009 6:43 am

Thanks por teres lido Fred ( esta frase lá se vai tornando repetitiva porque para já és do único que lês, ainda assim absolutamente necessária xD)

Eu próprio considero este texto como alternativo, pelo simples facto de que nela figura um narrador que jamais utilizei. É um narrador que não pode ser chamado participante e que possuí um conhecimento limitado por vezes do que acontece...mas ao mesmo tempo não se fica por aqui pois não toma o papel de um narrador que opina mas sim de um que questiona para proporcionar momentos possíveis de reflexão. Enfim, achei que teria a sua piada escrever numa forma que se distancia da habitual.

Novo "Thanks" e espero por mais comments...quantos mais surgirem mais dados aparecerão para que a próxima história escrita seja progessivamente melhor que a anterior.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tsuki_chan

avatar

Feminino Virgem Cachorro
Aniversário : 26/08/1994
Idade : 23
Localização : jeez i don't know... :S
Mensagens : 736
Data de inscrição : 23/12/2008

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Sex Out 09, 2009 5:54 am

Disses-te há já algum tempo que a minha escrita tinha classe, mas a tua têm uma boa dose dela, posso dizer que escreves como filósofos, questionas as tuas próprias histórias, e eu gosto disso...deixar uma pergunta na cabeça.

Estou habituada a ler coisas assim e algumas mais pesadas ^^ calhamaços enormes que a maioria nao percebe.
E sinceramente te digo para continuares porque se quiseres tens futuro, consegues utilizar as palavras certas.

Só acho que tem um problema a tua escrita (como a de muitos escritores profissionais e amadores, e talvez o mesmo problema da minha) falta-lhe sentimento, não digo que não esteja aí, porque está, mas esse sentimento pode sobressair mais, e aí as histórias ficariam melhores.

=3 continua~~
Voltar ao Topo Ir em baixo
Linderman

avatar

Masculino Peixes Cabra
Aniversário : 21/02/1991
Idade : 26
Localização : Porto
Mensagens : 874
Data de inscrição : 23/07/2009

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Qui Out 15, 2009 12:13 pm

Thanks por teres lido Tsuki. 2.º membro diferente do FOP a ler um destes textos * Insert party mode* xD

Bem se escrever algo nos próximos tempos vou tentar ter em atenção o teu conselho = )
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fred

avatar

Masculino Escorpião Cabra
Aniversário : 01/11/1991
Idade : 25
Localização : Frente-da-Batalha-Riso-Total
Mensagens : 1649
Data de inscrição : 29/12/2008

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Qui Out 15, 2009 2:26 pm

conheces agora a famosa Tsuki chan!

é uma legalize! um fixe como dizia a minha prima + nova!


escreve bué Linder

um abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Tsukiko

avatar

Feminino Áries Cabra
Aniversário : 31/03/1991
Idade : 26
Localização : Numa estrela perto de ti*
Mensagens : 376
Data de inscrição : 22/01/2009

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Dom Ago 29, 2010 3:28 pm

AMEI!!!!!!!!!! =O tu tens tanto jeito... God...
Voltar ao Topo Ir em baixo
carllam

avatar

Masculino Libra Galo
Aniversário : 08/10/1993
Idade : 24
Localização : War Zone
Mensagens : 989
Data de inscrição : 28/12/2009

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Dom Ago 29, 2010 3:52 pm

muito bom linder, gostei bastante da tua escrita descritiva mas n exaustiva, que e uma qualidade q falta a muitos, incluindo a mim xDD

eu sei o que e isso do da prazer fzr, mas ter comments e sempre bom xP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Maemi

avatar

Feminino Libra Dragão
Aniversário : 13/10/1988
Idade : 29
Localização : Somewhere firin' my banana beam! >.<
Mensagens : 436
Data de inscrição : 30/05/2009

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Dom Ago 29, 2010 4:06 pm

Sublime.
Gosto muito da forma como escreves, consegues lembrar-me do meu próprio estilo em certos excertos.
Apesar de ser um texto "curto" conseguiste cativar-me.
Vocabulário excelente, tens tudo para fazer algo com proporções maiores e que prometa qualidade do princípio ao fim.
Por favor, continua!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Linderman

avatar

Masculino Peixes Cabra
Aniversário : 21/02/1991
Idade : 26
Localização : Porto
Mensagens : 874
Data de inscrição : 23/07/2009

MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   Seg Ago 30, 2010 3:34 pm

Thanks pelos comments Smile

Ver se escrevo mais qualquer coisa nos próximos tempos ainda que não seja uma continuação desta história Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Pequena História ( O início de algo novo)   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Pequena História ( O início de algo novo)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» VW Fusca - A História - Um ícone da Industria
» Hyouka - História
» Fiat 500
» Indignação com os Correios BR!
» JUNKKERS JU-52/3 VASP 1/144 DA COLEÇÃO BOMBARDEIROS

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Forum Otaku Portugal :: Fan Zone :: FanFic-
Ir para: